Em entrevista, secretária da Saúde de São Francisco do Conde falou sobre as ações de prevenção e combate ao coronavírus

A secretária da pasta da saúde do município de São Francisco do Conde, Eleuzina Falcão, participou na manhã desta segunda-feira (29), de uma entrevista concedida à Rádio Mix FM (89.3) para falar sobre as ações de prevenção e combate ao coronavírus.

Logo no início, a secretária parabenizou o município pela importante data que é comemorada no dia de hoje.

A secretária também falou dos números do município e as medidas que a Prefeitura tem realizado, por meio da Secretaria da Saúde, no enfrentamento a pandemia.

A gestora destacou que o município vem aumentando a capacidade de testagem e que isso tem feito toda diferença, “Nós sabemos que nessa pandemia, quem testa mais, confirma mais casos. Então, São Francisco do Conde, não está se limitando a trabalhar com o RT/PCR, que é o exame feito através do Laboratório Central, além da cota dos testes rápidos encaminhados pelo Governo do Estado e Ministério da Saúde que é uma cota mínima, mas com a aquisição feita pelo município, nós temos testado muito, até para acompanhar muito de perto, o comportamento desse vírus no munícipio”.

A secretária ressaltou que dos 219 casos confirmados, o município já tem um número de 159 casos recuperados e 60 casos ativos que seguem monitorados.

Sobre a realização dos testes rápido, a Secretária Eleuzina destacou que é importante que a população entenda que os testes rápidos para a Covid-19 só devem ser aplicados a partir do 8º dia que iniciam os sinais e sintomas, porque esses testes não tem a capacidade de captar o vírus, ele apenas identifica os anticorpos e isso só ocorre a partir desse período.

A utilização de testes rápidos, antes do período pode levar a resultados ‘falso negativos’. Por esse motivo,  a primeira e mais importante recomendação é o isolamento domiciliar.

A pessoa que apresenta sinais e sintomas de gripe deve ficar afastada dos demais moradores da casa, em um quarto sozinha, e se precisar ter algum contato, usar a máscara cobrindo nariz e boca. “Isto precisa ficar muito claro, o teste não pode ser entendido como um medicamento, porque não é. É um instrumento que nós temos para confirmar se a pessoa teve a infecção pelo coronavírus”.

Eleuzina pontuou que o trabalho da Prefeitura em relação ao combate ao coronavírus tem sido intensificado a cada dia, com as barreiras sanitárias, fiscalizações do comércio e novos decretos. “Nós tivemos na semana passada um conjunto de medidas mais restritivas para a região do Caípe, com um resultado muito bom. Nos bairros de Muribeca, Santo Estevão, Caípe de Cima, Caípe de Baixo, Colmonte, nós observamos que com essas medidas mais restritivas, houve uma redução no número de casos novos e isso para nós, é muito animador, inclusive, alguns desses casos já tem 100% dos casos confirmados recuperados e nós estamos monitorando pós São João. Esse resultado foi tão importante, que as medidas que foram aplicadas lá, serão aplicadas agora de 01 a 07 de julho, nos bairros da sede E isso será muito importante para nós, pois esperamos ter os mesmos resultados.”

Por fim, a Secretária Eleuzina falou de novas ações de rastreamento que estão sendo realizadas pela Secretaria da Saúde em áreas específicas, foi realizado no último sábado (27), um trabalho de testagem com os comerciantes da feira do município para verificar a situação de vírus. Foram aplicados 49 testes, com um percentual em torno de 8% que testaram positivo para o anticorpo Igg, isso demonstra que essas pessoas tiveram contato em algum momento com o vírus, mas não estão mais em fase de transmissão. Essa ação será aplicada em outros pontos da cidade. A Secretária também reforçou que estão sendo ampliadas as ações de saneamento de ruas e prédios públicos e nos equipamentos de saúde está sendo trabalhada também a desinfecção interna com regularidade, seguindo todos os protocolos. “Gostaria de reforçar mais uma vez um pedido à população, que compreenda o momento nós que estamos vivendo e que essa é uma luta que só vence se lutarmos juntos.”