Fevereiro roxo: Agenda da Saúde 2019 aborda Saúde na 3° Idade ao longo do mês

Em São Francisco do Conde, o mês de Fevereiro começou com ações alusivas ao tema central da Agenda da Saúde 2019, onde cada mês é destacado através de cores e temas a serem trabalhados com a população franciscana.

Em fevereiro, a cor de destaque é o roxo e o principal tema a ser trabalhado é a ‘Saúde na 3° Idade’, e o objetivo é trabalhar atendimentos direcionados ao público idoso; realizar palestras sobre prevenção de quedas; qualificar os cuidadores dos idosos, promover atividades educativas sobre Alzheimer, além de falara sobre sexualidade na 3° idade.

A Agenda da Saúde foi proposta pela Secretaria Municipal da Saúde – SESAU para ser trabalhada ao longo do ano. O objetivo é designar assuntos relevantes para serem abordados em todos os setores que prestam assistência a população, levando conteúdo de qualidade, combatendo as fake news (notícias falsas que circulam na internet) e informando a população.

Desde o dia 05 de fevereiro, a equipe da Unidade de Saúde da Família (USF) do Bairro do Socorro promoveu ações do Fevereiro Roxo para falar sobre Alzheimer e prevenção de quedas. A atividade contou com a presença da psicóloga do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), que é a porta de entrada da Assistência Social no município. Também ocorrem atendimentos na USF.

A Doença de Alzheimer (DA) se manifesta pela deterioração cognitiva e memória, com o comprometimento progressivo das atividades de vida diária e uma variedade de sintomas neuropsiquiátricos e de alterações comportamentais.

No Brasil, centros de referência do Sistema Único de Saúde (SUS) oferecem tratamento multidisciplinar integral e gratuito para pacientes com Alzheimer, além de medicamentos que ajudam a retardar a evolução dos sintomas. Os cuidados dedicados às pessoas com Alzheimer, porém, devem ocorrer em tempo integral.

Entre os principais sinais e sintomas do Alzheimer estão:

Falta de memória para acontecimentos recentes;

Repetição da mesma pergunta várias vezes;

Dificuldade para acompanhar conversações ou pensamentos complexos;

Incapacidade de elaborar estratégias para resolver problemas;

Dificuldade para dirigir automóvel e encontrar caminhos conhecidos;

Dificuldade para encontrar palavras que exprimam ideias ou sentimentos pessoais;

Irritabilidade, suspeição injustificada, agressividade, passividade, interpretações erradas de estímulos visuais ou auditivos, tendência ao isolamento.