Mais de 70 servidores da Prefeitura de São Francisco do Conde são certificados pela Escola de Governo

Quem tiver oportunidade, que aproveite! Foram dias de experiência maravilhosos e agora quero colocar em prática meu curso de recepcionista. Essa Escola de Governo disse para que veio e estão todos de parabéns”. Essas foram as palavras de Rosângela Farias, servidora da Secretaria Municipal de Cultura – SECULT e uma entre os 72 servidores da Prefeitura de São Francisco do Conde contemplados com um dos cursos ofertados pela Escola de Governo – órgão ligado à Secretaria Municipal de Gestão Administrativa – SEGAD. Além de Rosângela, a servidora da Secretaria Municipal da Fazenda e Orçamento – SEFAZ, a pastora Rose também agradeceu pelo momento: “foram oito dias abençoados e uma oportunidade especial”.

A Certificação dos Alunos da Escola de Governo, ocorrida na manhã desta sexta-feira, 28 de julho, no auditório do SINDSEFRAN, foi voltada para os concluintes das áreas de Recepção e Atendimento, Rotina de Pessoal e Redação Oficial. À mesa de abertura estavam o prefeito Evandro Almeida; o secretário de Serviços, Conservação e Ordem Pública, Amarildo Guedes; a superintendente da Escola de Governo, Sandra Pitanga; o superintende da Secretaria Municipal de Governo e representante do gestor Carlos Alberto Bispo Cruz (Nem do Caípe), Eliezer de Santana; o diretor administrativo da Secretaria Municipal da Educação e representante do gestor Marivaldo do Amaral, Claudio Saturnino; e o presidente da Casa Legislativa e vereador Venilson Souza Chaves (Cravinho).

Daqui a quatro anos, o senhor verá um povo qualificado. As pessoas aqui estão sendo gratas por esta oportunidade e a nossa experiência é que eles estão sempre pedindo a continuidade dos cursos. Daí, percebemos o quanto o nosso povo clamava por uma qualificação”, disse a anfitriã do evento, Sandra Pitanga, ao prefeito Evandro Almeida – o qual foi responsável pela iniciativa de se montar uma escola que levasse qualificação para os profissionais que compõem o quadro de funcionários da gestão municipal. “Queremos fazer um trabalho de excelência por nossa comunidade e espero que tenhamos contribuído para o aprendizado de vocês, e que vocês possam colocar em prática esse conhecimento”, ressaltou Pitanga. Durante seu discurso, a superintendente trouxe uma novidade: será firmada uma parceria com a Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira – UNILAB, provavelmente a partir de agosto deste ano, para melhor qualificar o servidor.

Contente pelo momento, o prefeito Evandro Almeida parabenizou os secretários municipais pelo trabalho que todos eles vêm executando no município e contribuindo para o desenvolvimento das pessoas e da cidade. “Isso é comprometimento. Vocês, professores, estão transformando nossa cidade num lugar melhor. Já vocês, alunos, estão criando uma nova era no município, porque a do petróleo já está acabando e precisamos desenvolver outras áreas. Continuem acreditando no nosso trabalho, na nossa administração”, frisou Almeida.

Ao longo do evento foram realizados momentos de sensibilização, como os cânticos de Claudia Lima, com “Ninguém explica a Deus” e “Eu cuido de ti”; a ginástica laboral de Sildirlan Antunes; exibição de filme com os protagonistas da gestão falando de suas experiências na Escola de Governo; além, claro, da certificação e do coffee break preparado pelos próprios alunos.

Entre os professores envolvidos na ação dessas três primeiras turmas, os quais foram homenageados no local, estiveram: Lucineia Lima de Moura, professora de Português (membro da Filarmônica Lyra 30 de março); Viviane do Rosário, psicóloga que fez atendimento aos alunos (servidora da SEDESE); Átila Santana, professor de Legislação do Trabalho (funcionário da SEDESE); Anailton dos Anjos, professor de Relações Interpessoais (colaborador pela SEDUC); Adelmária Ione dos Santos, professora de Arquivo (da UNILAB); Tertuliano Gomes, professor de Meios de Comunicação (SECULT); Miriam Sena, professora de Redação Oficial (SEGAD); Janice Grave, professora de Rotina de Pessoal (servidora da Câmara de Vereadores); e, Neuza Bispo, também professora de Português (SEDUC).