Música, cultura e sociedade no projeto Meninas Cantoras

No último sábado letivo (19 de agosto), ocorreu uma pequena mostra do grupo Meninas Cantoras – coral formado por alunas de escolas da rede municipal de ensino. Este é um projeto realizado em parceria entre as secretarias municipais da Educação – SEDUC, de Governo – SEGOV e de Cultura – SECULT de São Francisco do Conde.

Com a presença do secretário Marivaldo do Amaral e funcionários da SEDUC, o grupo apresentou o resultado dos dois primeiros meses de ensaio. “Fiquei profundamente tocado com a apresentação das meninas. Em tão pouco tempo, já temos excelentes resultados, o que demonstra tanto o talento das cantoras mirins, como a boa condução do projeto”, declarou o secretário Marivaldo, que foi eleito padrinho do grupo.

O canto coletivo é a prática que mais se adequa ao ensino de Música no ambiente escolar. Em uma abordagem interdisciplinar, o projeto, que integra canto coral e identidades culturais, é dirigido por Neide dos Santos, Nivaldo Abreu (educadores musicais) e Pew Teixeira (arte educadora/dança). “O projeto fundamenta-se na prática do Canto Coral, evidenciando o processo retroalimentar existente entre os objetos estudados, timbre, identidades, cultura, coral e sociedade, e suas representações, que promoverão construções diversas, nas vidas das alunas”, explica Neide.

Participam do Meninas Cantoras, estudantes das escolas Arlete Magalhães (Cejal), Alícia Pinto, Frei Eliseu, Iromar Silva Nogueira e o Centro de Aperfeiçoamento do Saber –  Ceas, com ensaios todos os sábados, pela manhã. A meta é que o projeto Meninas Cantoras seja ampliado e abarque toda a rede municipal de ensino.

Essa é uma forma de aguçar a sensibilidade, facilitar a concentração, instigar a criatividade e aumentar a integração dos alunos no ambiente escolar, proporcionando uma melhora na qualidade da aprendizagem. Que tenhamos mais meninas e meninos cantores espalhados por toda nossa cidade”, afirmou Kátia Cristiane Freitas, vice-diretora da Escola Juvenal Eugênio de Queiróz, desejosa de que o Meninas Cantoras chegue até a sua escola.