Retrospectiva 2019: Um ano produtivo e transformador para a Educação Franciscana

O ano de 2019 foi de intenso trabalho da Prefeitura Municipal de São Francisco do Conde na área da Educação, eleita uma das prioridades da gestão. Através da Secretaria Municipal da Educação – SEDUC, que tem à frente da pasta o secretário Marivaldo do Amaral, diversas ações foram realizadas no sentido de oferecer para os munícipes uma Educação de qualidade. O carro-chefe do ano foi a construção coletiva do Currículo Franciscano, com a consultoria do maior pesquisador do tema no Brasil, o Prof. Dr. Roberto Sidnei (FACED/UFBA).

De acordo com o gestor da pasta da Educação, o professor e secretário Marivaldo do Amaral, “o ano de 2019 foi um ano de muito trabalho na Secretaria da Educação. Quero aproveitar para agradecer aos nossos servidores por todo o empenho! Foi um ano em que a secretaria focou na produção da nossa proposta curricular. É claro que nós tivemos diversas outras ações do Plano Estratégico da Secretaria, o projeto Voar, mas essa é histórica em nosso município, pois é a primeira vez que São Francisco do Conde constrói um Referencial Curricular e isso foi feito com todo o cuidado e em constante diálogo com os professores e com a comunidade escolar”.

O secretário ainda disse que “esse objetivo foi cumprido ao longo do ano de 2019 e será colocado em prática agora em 2020. O balanço é positivo, a gente trabalhou muito mais para dentro, no sentido de qualificar a Educação. Quando se debate um currículo, se debate as questões sobre que Educação nós queremos, que projeto de cidade nós queremos?”.

Desde formações continuadas dos profissionais a inaugurações de novos equipamentos públicos, passando por atividades pedagógicas de cunho lúdico e artístico, como o VOARTE, ações de Educação Ambiental, de Jovens, Adultos e Idosos, Educação Inclusiva, cursos preparatórios para o Exame Nacional do Ensino Médio e para o Instituto Federal da Bahia, foram diversas atividades que fizeram a diferença na Educação Franciscana, alavancando-a a padrões de excelência.

A gestão Evandro Almeida também saiu na frente realizando a entrega de notebooks de última geração para os professores da Rede Municipal de Ensino. A iniciativa insere a educação pública municipal em um novo patamar, possibilitando maiores recursos para a elaboração das aulas e instituindo o Diário de Classe Online, contribuindo para o meio ambiente, com a economia de papel.

Uma outra grande ação que tivemos, além dos projetos pedagógicos que já são conhecidos da Rede Municipal, foi a entrega de notebooks aos professores da Rede. Nós buscamos incrementar a tecnologia no dia a dia da escola. Fizemos uma doação de notebooks aos professores com o objetivo de dar mais uma alternativa de instrumento tecnológico, no sentido de melhorar e qualificar o trabalho, tornando a aula algo mais aprazível para os estudantes. Além disso, também fizemos doação de livros aos professores para instrumentalizá-los do ponto de vista pedagógico, para que eles possam levar essa qualidade de ensino para a sala de aula”, concluiu o secretário Marivaldo.

A seguir, algumas das principais ações do produtivo e desafiador ano de 2019:

  1. Inauguração da Nova sede do PROAP;
  2. Realização dos Diálogos Pedagógicos;
  3. Inauguração da Sala Verde de São Francisco do Conde;
  4. Nova lei do PROUNIFAS;
  5. Parceria com a UNILAB fortalece construção do Currículo Franciscano;
  6. Rede de Parceiros Multiplicadores do Esporte Educacional. Primeiro encontro do ano em 14 de março e último em 06 de dezembro;
  7. Nova frota de transporte da Educação;
  8. Currículo Franciscano, primeira reunião geral em 19 de março;
  9. Serviço de orientação e declaração do Imposto de Renda – PROUNIFAS;
  10. Nova creche do Gurugé é entregue à população;
  11. Ida de estudantes ao teatro e cinema;
  12. NutriSUS é implementado em creches da Rede Municipal de Ensino;
  13. Pesquisa inédita sobre alfabetização na educação brasileira, com a professora e pesquisadora Giovana Zen;
  14. Sessão simultânea de leitura;
  15. Escuta aos alunos da Rede Municipal de Ensino para o Currículo Franciscano;
  16. Seminário Referencial Curricular Franciscano;
  17. Um livro em Cada Canto e em Todo Lugar promove o hábito da leitura;
  18. Visita ao Museu Náutico;
  19. Projeto Leituraço estimula o hábito da leitura na Rede Municipal de Ensino;
  20. VOARTE;
  21. Reunião com pais e responsáveis dos alunos do Pré-IFBA;
  22. Desfile cívico em homenagem à participação franciscana nas lutas pela Independência da Bahia no Brasil;
  23. Pré-ENEM;
  24. Pré-IFBA;
  25. II Encontro de Professores: PROAP e escolas discutindo o autismo;
  26. Diálogos Formativos;
  27. Seminário de Socialização das Práticas Pedagógicas;
  28. Visita guiada à Sala Verde da SEDUC com a Companhia de Polícia de Proteção Ambiental do Estado da Bahia;
  29. I Seminário de Práticas Exitosas da Coordenação Pedagógica;
  30. CINE SEDUC;
  31. Formação para o programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos;
  32. Ciclo Formativo, fruto da parceria entre SEDUC e Centro Integrado de Estudos e Programas de Desenvolvimento Sustentável – CIEDS;
  33. Ação de Coleta Seletiva com alunos do Instituto Municipal Luís Viana Neto;
  34. I Encontro Formativo da Educação Escolar Quilombola promove a valorização dos Saberes Ancestrais, no Monte Recôncavo;
  35. I Festival de Bandas e Fanfarras do Município;
  36. Aula na Fazenda Engenho D’Água: Universidade e Educação Básica na construção do Currículo Franciscano;
  37. Professores da Rede Municipal de Ensino ganham notebooks da gestão municipal;
  38. III Encontro de Surdos;
  39. Marisqueiras e merendeiras da Rede Municipal de Ensino participam de oficina com pesquisadores da Escola de Nutrição da UFBA;
  40. Currículo Nômade e Observatório do Referencial Curricular Franciscano;
  41. Workshop para os alunos da Rede Municipal de Ensino com dançarina e pesquisadora internacional;
  42. Melhores colocados no Simulado do Pré-ENEM são contemplados com city tour na capital baiana;
  43. Estudante da Escola Arlete Magalhães, Maria Clara, é finalista no Concurso para Escritores Escolares da Fundação Pedro Calmon;
  44. Formação no sistema Infocraft e aplicativo de matrícula;
  45. Projeto Sala Verde Convida;
  46. Alunos da EJA participam de aula de campo na comunidade Quilombola do Quingoma e Reserva Indígena Thá-Fene (Etnia: Kiriri-Xocó);
  47. I Marcha da Consciência Negra;
  48. Criação do Grêmio Estudantil do CEAS;
  49. Reforma da Biblioteca Arthur Salles, em parceria com a SECULT;
  50. Pré-Diálogos.