São Francisco do Conde em Ação recebeu o prefeito Evandro Almeida nesta quarta-feira (29)

radioprograma1Na edição 23 do programa São Francisco do Conde em Ação desta quarta-feira, 29 de abril, os apresentadores Mônica França e Henrique Pena receberam no estúdio o prefeito da cidade Evandro Almeida. O gestor falou sobre os preparativos do Arraiá do Chico 2015, tratamento de resíduos sólidos, o Centro de Referência da Mulher em Situação de Violência, abastecimento de água e segurança.

Já temos grandes atrações confirmadas como Wesley Safadão, Lucy Alves, Fernando e Sorocaba, Adelmário Coelho, Estakazero, Calcinha Preta e outros. Será um São João tipicamente de forró, onde iremos gastar menos, atendendo à solicitação do Ministério Público, mas será um São João tipicamente de forró. Acredito que o povo de São Francisco do Conde irá gostar muito deste evento. O tema deste ano será: o São João passou por aqui. É um São João em que o povo de São Francisco do Conde irá participar com certeza dessa grande festa. Este evento é uma grande oportunidade para o comércio local, as pessoas que estão com casas para alugar, algumas já estão à disposição no site da Prefeitura. Portanto, vocês que estão querendo curtir um tradicional São João, só forró, venham todos para São Francisco do Conde”, convidou o prefeito Evandro Almeida.

Em seguida, ele foi questionado sobre a visita na semana passada de representantes do Ministério Público, da Secretaria de Políticas para as Mulheres e da Polícia Militar no município para tratar da implantação de um Centro de Referência de Atenção à Mulher em situação de Violência. E declarou que: a violência contra a mulher é uma coisa que abrange não só São Francisco do Conde como todo o país. Aqui nós já temos um núcleo e estamos nos empenhando para construir uma base na cidade. Estamos providenciando o local onde será construída essa base para atender e diminuir a violência contra as mulheres de São Francisco do Conde. É uma ação que irá envolver a Prefeitura, a Polícia Militar e o Ministério Público para evitar essas violências, porque mulher temos que tratar com carinho. Entre as diretrizes estabelecidas para o trabalho que essa instituição irá desenvolver com as vítimas de violência estão:  estratégias para um bom atendimento, acompanhamento, tratamento, inclusão em atividade socioeducativa e no mercado de trabalho, medida de proteção e prevenção, dentre outros. Nossa intenção é que esse centro esteja pronto até o final do ano de 2015”, enfatizou.

O prefeito falou também sobre a determinação do Ministério Público para que Feira de Santana passasse a direcionar o lixo para São Francisco do Conde, já que lá não estava atendendo as normas necessárias de proteção ao meio ambiente. Evandro disse que acha que o fato do município receber o lixo de outra cidade é uma ação positiva, pois quer dizer que São Francisco tem um aterro sanitário que está dentro das normas e dá para atender não só o município como as cidades vizinhas. “Gostaria de lembrar a vocês que quem faz esse serviço é uma empresa privada e o papel da Prefeitura é só fiscalizar para ver como está o aterro sanitário e se está ou não cumprindo as normas. E isso estamos fazendo através da Secretaria de Meio Ambiente”.

Almeida também foi questionado quanto à área de segurança pública e os sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário. “Estamos avançando. Já entregamos a Polícia Civil uma viatura e estamos com duas para entregar a Polícia Militar. O sistema de monitoramento está sendo ampliado e estamos tentando cada vez mais aumentar a nossa segurança. Vamos continuar insistindo junto a Secretaria de Segurança Pública para aumentar nosso efetivo. Já tivemos duas reuniões com o secretário e estamos em busca disso. Em relação a Embasa, estivemos lá essa semana em uma reunião com o pessoal da Embasa solicitando deles o projeto de abastecimento de água da nossa cidade, como também de Candeias e Madre de Deus. Estamos correndo para Brasília para conseguir recursos para fazer essa obra, no valor de R$ 43 milhões, em parceria com o Governo do Estado e Federal. Estamos correndo atrás da duplicação do abastecimento de água da nossa cidade. Essa obra foi feita na época de João Durval e estamos agora tentando duplicar porque São Francisco do Conde está crescendo, terá ampliação da universidade, o autódromo, loteamentos… então, precisamos de água. Vamos continuar lutando para trazer água para São Francisco do Conde”, concluiu o prefeito.