Saúde promove Ação de Combate ao Alcoolismo para as comunidades de Paramirim, Coroado, Vencimento e Madruga

alcool

A Secretaria da Saúde – SESAU, de São Francisco do Conde, está promovendo uma Ação de Combate ao Alcoolismo, na unidade do Programa de Saúde da Família – PSF do bairro de Paramirim, que engloba também os bairros do Coroado, Vencimento e Madruga.

A ação acontece nos dias 23 e 24 de fevereiro, na unidade de saúde, a partir das 09h.  Além da palestra os profissionais vão oferecer: testes rápidos de HIV, hepatite e sífilis e controle de pressão arterial e glicemia.

Alcoolismo é a dependência do indivíduo ao álcool, considerada doença pela Organização Mundial da Saúde. A pessoa dependente do álcool, além de prejudicar a sua própria vida, acaba afetando a sua família, amigos e colegas de trabalho. O uso constante, descontrolado e progressivo de bebidas alcoólicas pode comprometer seriamente o bom funcionamento do organismo, levando a conseqüências irreversíveis.

O álcool no organismo:

Quando ingerido, o etanol é digerido no estômago e absorvido no intestino. Pela corrente sangüínea suas moléculas são levadas ao cérebro. A longo prazo, o álcool prejudica todos os órgãos, em especial o fígado, que é responsável pela destruição das substâncias tóxicas ingeridas ou produzidas pelo corpo durante a digestão. Dessa forma, havendo uma grande dosagem de álcool no sangue, o fígado sofre uma sobrecarga para metabolizá-lo. O álcool no organismo causa inflamações, que podem ser:

– Gastrite, quando ocorre no estômago;

– Hepatite alcoólica, no fígado;

– Pancreatite, no pâncreas;

– Neurite, nos nervos.

Os perigos do álcool :

Grande parte dos acidentes de trânsito, arruaças, comportamentos anti-sociais, violência doméstica, ruptura de relacionamentos, problemas no trabalho, como alterações na percepção, reação e reflexos, aumentando a chance de acidentes de trabalho, são provenientes do uso de álcool.

Sinais do alcoolismo :

– Você já sentiu que deveria diminuir a bebida?

– As pessoas já o irritaram quando criticaram sua bebida?

– Você já se sentiu mal ou culpado a respeito de sua bebida?

– Você já tomou bebida alcóolica pela manhã para “aquecer” os nervos ou para se livrar de uma ressaca?

Apenas um “sim” sugere um possível problema. Em qualquer dos casos, é importante ir ao médico ou outro profissional da área de saúde, imediatamente, para discutir suas respostas. (Fonte: Ministério da Saúde)