Seminário sobre Novos Direcionamentos da Política de Atenção Básica reuniu profissionais da Saúde

 

São Francisco do Conde realizou ao longo desta sexta–feira, dia 17 de fevereiro, o Seminário sobre Novos Direcionamentos da Política de Atenção Básica, que trouxe como tema “Atenção Integral: Família Saudável”.

Na mesa de abertura estiveram a secretária da Saúde, Eleuzina Falcão, o coordenador da Atenção Básica no município, José Raimundo Nogueira, o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Marivaldo Bispo, e, representando a Câmara de Vereadores, José Raimundo Fonseca. Já na plateia, o público-alvo foram os profissionais das equipes de Saúde da Família, além de outros profissionais da Rede de Saúde do município.

A secretária Eleuzina Falcão destacou a importância da reestruturação da rede de saúde e o comprometimento da equipe. Também falou que o munícipio busca ser referência em saúde pública não apenas no Recôncavo, mas em toda Bahia. Ela destacou o objetivo de atingir 100% de cobertura na Atenção Básica com a implantação da Unidade de Saúde Centro II e da perspectiva de criação de centros de atenção ao idoso e à criança. “Precisamos tornar a nossa Atenção Básica a mais resolutiva e nesta perspectiva pretendemos implantar a classificação de risco para melhorar a rede de assistência. Nós precisamos ainda acompanhar os pacientes, saber qual tratamento ele teve em outra unidade e reinseri-lo em seu territorial para que ele continue o acompanhamento. Fazendo com que a rede se fortaleça e funcione cada vez melhor”, destacou.

O Conselho de Saúde foi convidado representando aqui no evento o controle social e como apoiador, já que temos o objetivo em comum da melhoria da saúde. Esse momento é ímpar, pois estamos aqui organizando a saúde que nós queremos”, declarou o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Marivaldo Bispo. Quem também falou foi o representante da Atenção Básica no município, José Raimundo Nogueira, que frisou a importância do trabalho humanizado e das estruturas organizadas para o bom desempenho da saúde.

As palestras continuaram no evento com Kelly Cristina Soares da Silva, Odontóloga Sanitarista, especialista em Gestão do Processo de Trabalho na Saúde da Família (UFBA), que veio ao município falar do Apoio Institucional Municipal e do Acompanhamento das Equipes de Saúde da Família. Ela falou dos princípios do SUS que englobam a integralidade, a promoção à saúde, o acesso e acolhimento, além de uma atenção básica resolutiva e o trabalho da Vigilância à Saúde. O objetivo do encontro foi redefinir protocolos e ajustar os caminhos que devem ser seguidos pelas equipes para uma assistência de qualidade. Com isso, o serviço prestado ao cidadão é melhor executado.

A Atenção Básica é o primeiro nível de atenção em saúde e se caracteriza por um conjunto de ações de saúde, no âmbito individual e coletivo, que abrange a promoção e a proteção da saúde, a prevenção de agravos, o diagnóstico, o tratamento, a reabilitação, a redução de danos e a manutenção da saúde com o objetivo de desenvolver uma atenção integral que impacte positivamente na situação de saúde das coletividades. Este trabalho é realizado nas Unidades Básicas de Saúde (UBS).

No período da tarde aconteceram apresentações de experiências inovadoras realizadas pelas equipes de Saúde da Família, além de oficinas culinárias para hipertensos obesos, com Eliene Oliveira dos Santos e Márcia Maria dos S. Ferreira. O tema “Hábitos alimentares em uma abordagem multiprofissional” também foi abordado por Carolinne Borges. Por fim, aconteceu a mostra da campanha de sensibilização e mobilização de combate ao lixo descartado nas vias públicas de Jabequara: “QUEM JOGA LIXO NA RUA LEVA DOENÇA PARA CASA”, com Maria de Fátima Santos.