Núcleo Integrado de Cuidados à Criança e à Pessoa com Doença Falciforme recebeu profissionais da rede para um diálogo sobre hemoglobinopatias

A Prefeitura de São Francisco do Conde, através da Secretaria Municipal da Saúde – SESAU, reuniu na terça-feira, 06 de agosto, os profissionais da rede municipal de saúde, a exemplo de dentistas, assistentes sociais, médicos, enfermeiros e técnicos, além de outros profissionais, para uma palestra com o tema: Fortalecendo a Rede de Cuidados às Pessoas com Hemoglobinopatias em São Francisco do Conde.

O objetivo desse encontro foi orientar os profissionais da rede sobre sinais e sintomas das doenças no sangue, principalmente a doença falciforme, e a importância de referenciar essas pessoas para o Núcleo Integrado de Cuidados à Criança e à Pessoa com Doença Falciforme Rilza Valentim, visando um tratamento multiprofissional.

Doença Falciforme – O tratamento do paciente com Doença Falciforme é baseado principalmente na prevenção das situações que levam à modificação da forma das hemácias. 
Manutenção do calendário vacinal, rápido tratamento de infecções, cuidados com a desidratação ou exposição inadequada a temperaturas extremas e evitar atividades físicas muito intensas. Dessa forma, o paciente deve ser bem instruído no sentido do autocuidado, para que conheça a doença e possa evitar as situações de risco.

O momento mais emocionante da atividade foram os depoimentos de pessoas que utilizam o serviço e tem no espaço a sensação de uma segunda casa, onde são cuidados e acolhidos.

O tratamento é fundamental para garantir qualidade de vida e os cuidados específicos que a condição requer.

No espaço, a comunidade também encontra o ambulatório de pediatria do município.