São Francisco do Conde apresentará experiência exitosa em saúde para todo Brasil

Graças ao Acolhimento Pedagógico realizado em 2017, São Francisco do Conde teve seu trabalho selecionado para participar da Mostra Brasil – Aqui tem SUS, dentro do XXXIV Congresso Nacional do CONASEMS (Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde), que acontecerá entre 25 a 27 de julho de 2018, em Belém – PA.

Além disso, São Francisco do Conde também estará representado durante o Congresso da Associação Brasileira de Saúde ColetivaABRASCO, no Rio de Janeiro, de 26 a 29 de julho de 2018, onde apresentará dois dos trabalhos realizados pelas equipes de saúde: ‘A experiência de São Francisco do Conde com o Acolhimento Pedagógico’ e ‘Impactos na qualidade dos dados produzidos na Atenção Básica e lançados no ESUS’.

Sistema E-SUS – O acompanhamento das ações de saúde que são realizadas no território é uma tarefa extremamente importante do cotidiano das equipes de atenção básica. Esta atividade, além de auxiliar os trabalhadores a enxergar seu território, exprime o resultado do seu trabalho, podendo ser potente ferramenta de reflexão e transformação do processo de trabalho. O Sistema e-SUS AB traz sete tipos de relatórios consolidados: Atendimento, Acompanhamento, Procedimentos, Exames, Conduta, Monitoramento, Consolidado do Cadastro. Cada um trás informações específicas coletadas através das fichas da Coleta de Dados Simplificada (CDS).

O Acolhimento Pedagógico, em São Francisco do Conde, trouxe como proposta a formação e/ou qualificação da Estratégia de Saúde da Família, buscando reconhecer os profissionais como protagonistas do processo de trabalho. A ação envolveu o cotidiano de trabalho das equipes de saúde, permitindo momentos de reflexão e avaliação dos comportamentos profissionais, como instrumento capaz de modificar a realidade, impactando no atendimento da população franciscana e refletindo nos indicadores de saúde do município.

Foram abordadas questões como: “O que eu faço? Será que essa é a melhor forma de fazer o meu trabalho? Essa também é a melhor forma de fazer para o usuário do serviço de saúde?”.

O Acolhimento pedagógico teve a parceria da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia – SESAB e do Instituto de Saúde Coletiva – ISC/ UFBA. O Acolhimento Pedagógico de São Francisco do Conde teve 05 encontros presenciais e o modelo de acolhimento será implantado em outros municípios, que viram a ação como experiência exitosa.