CRAS e o CREAS proporcionaram momentos de diversão para comunidade do Caípe

Em São Francisco do Conde teve palhaçada, marmelada e muita diversão sim, senhor! E não faltou espaço para pipoca, cachorro-quente, algodão-doce, brincadeiras e diversão para meninos e meninas, de 04 a 10 anos, da comunidade do Caípe. A atividade aconteceu na Rua Área Verde, no Caípe de Baixo.

O CRAS e o CREAS, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Esportes – SEDESE, proporcionaram momentos de diversão para toda a comunidade, em especial os pequenos cidadãos atendidos pelos serviços. O evento começou às 08h e seguiu até às 16h com muita animação. Não faltaram brincadeiras, dança, música e alegria. “Quando a equipe idealizou esse projeto foi justamente para atender a comunidade do Caípe e a área de abrangência. A gente pretende envolver, principalmente, as crianças já atendidas pelos serviços, mas esse é um evento aberto a comunidade e um dia de lazer e muita diversão. Nós, do CRAS, sempre fazemos essas atividades e não poderíamos deixar o 12 de outubro passar em branco”, declarou Wanderley de Alcântara Nogueira, coordenador do CRAS. “A equipe do CREAS e do CRAS do Caípe estão de parabéns e em nome da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Esportes eu parabenizo esse momento de alegria. A festa está muito bonita”, parabenizou a superintendente da SEDESE, Daoana Sales.

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS é uma unidade pública que oferta serviço especializado e continuado a famílias e indivíduos (crianças, adolescentes, jovens, adultos, idosos, mulheres), em situação de ameaça ou violação de direitos, tais como: violência física, psicológica, sexual, tráfico de pessoas, cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto, situação de risco pessoal e social associados ao uso de drogas, etc. O CREAS busca construir um espaço para acolhimento, fortalecimento de vínculos familiares e comunitários, priorizando a reconstrução de relações familiares. Os serviços ofertados nos CREAS são desenvolvidos de modo articulado com a rede de serviços da assistência social, órgãos de defesa de direitos e das demais políticas públicas.

O Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) é a porta de entrada da assistência social. É um local público, localizado prioritariamente em áreas de vulnerabilidade social, onde são oferecidos os serviços de assistência social, com o objetivo de fortalecer a convivência com a família e com a comunidade. A partir do adequado conhecimento do território, o CRAS promove a organização e articulação das unidades da rede socioassistencial e de outras políticas. Assim, possibilita o acesso da população aos serviços, benefícios e projetos de assistência social, tornando-se uma referência para a população local e para os serviços setoriais.