“Conferência na Escola” mobiliza estudantes franciscanos em torno de questões socioambientais relativas à importância da água

Na terça (10) e quinta-feira (12), as unidades escolares de Ensino Fundamental Anos Finais do município realizaram a Conferência na Escola, primeira etapa da V Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente, promovida pelo Ministério da Educação (MEC), em parceria com o Ministério do Meio Ambiente (MMA), cujo tema é Vamos Cuidar do Brasil Cuidando das Águas, que está prevista para acontecer em Brasília, de 15 a 19 de junho.

O objetivo das conferências, em suas etapas municipal, estadual e nacional é estimular a comunidade escolar na realização de processos educativos em torno da dimensão socioambiental da água. Nesse sentido, os estudantes das escolas participantes elaboraram projetos de ação que visam soluções para as questões locais.Cuidando das Águas de São Francisco do Conde é o tema da Conferência Municipal, que acontecerá no dia 25 de abril, às 8h30, na Câmara Municipal de Vereadores.

Durante a Conferência na Escola foram eleitos os alunos delegados que irão apresentar os projetos pré-selecionados de cada escola na Conferência Municipal, dos quais, dois poderão representar o município na Conferência Estadual. Na etapa estadual, por sua vez, os delegados e delegadas eleitos selecionarão apenas um projeto para representar o Estado na Conferência Nacional, da qual participarão 460 representantes estudantis, na faixa etária de 11 e 14 anos.

Nessa conferência os protagonistas são vocês, alunos. A etapa mais importante e crucial é a de hoje, onde a escola cumpre a sua função social, realizando esse trabalho de mobilização para as questões socioambientais da água. Temos que cuidar desse importante recurso natural que está cada dia mais escasso”, declarou a gerente de Acompanhamento Escolar e Frequência Hermínia Tânia Nogueira, presente na Conferência do Instituto Municipal Luiz Viana Neto, onde foram eleitas a delegada Adrielly Saturnino e a suplente Adrielly Santos.

Os projetos apresentados em cada escola participante foram:

– Instituto Municipal Luiz Viana Neto – IMLVN: Cuidando das águas de São Francisco do Conde para um futuro melhor.

– Centro de Estudos e Aperfeiçoamento do Saber – CEAS: Influência das ações antrópicas sobre a biodiversidade aquática do Caípe de Baixo.

– Escola Municipal Joaquim Alvez Cruz Rios: Vamos cuidar do Brasil cuidando das águas.

– Centro Educacional Claudionor Batista – CECBA: Blog interativo do meio ambiente; Reaproveitamento de água proveniente da lava-jato; Técnicas domésticas de reaproveitamento da água; Captação de água da chuva do CECBA.

Como apenas um projeto por escola será apresentado na Câmara de Vereadores, os projetos do CECBA serão unificados, contemplando todos os estudantes que se envolveram na elaboração de cada um. “Nossos alunos nos surpreenderam! Todos os projetos apresentados foram criados por eles mesmos, sob orientação da professora Zalene e do professor Wellington. Ao invés de escolhermos um projeto ganhador, iremos unificar os projetos, para que todos os alunos possam participar da etapa municipal da conferência”, declarou Tatiana Nova, gestora do CECBA.

 

O objetivo é que a execução dos projetos se torne uma grande ação educativa em prol da sustentabilidade ambiental.