Prefeitura de São Francisco do Conde assina convênio com PROSUS para construção de Academia de Saúde e prédio próprio do CAPS no município

Nesta terça-feira, 25 de outubro, a Prefeitura de São Francisco do Conde, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SESAU), assinou convênio com o PROSUS (Programa de Fortalecimento das Entidades Privadas Filantrópicas e das Entidades sem Fins Lucrativos que Atuam na Área da Saúde e que Participam de Forma Complementar do Sistema Único de Saúde), para a construção de uma Academia de Saúde e do prédio próprio do CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) no município. A parceria inclui as esferas de governo Municipal (através da doação de terreno e execução das obras) e Estadual (por meio de contrapartida financeira). O financiamento será realizado através do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e a previsão de entrega é para 2018.

“Com a assinatura desse termo de convênio estamos trazendo para o município equipamentos da maior importância, considerando as principais causas de morte dentro do território, que são as doenças do aparelho circulatório. A questão da hipertensão e do diabetes é um problema de saúde pública que a gente precisa enfrentar com promoção e com prevenção e a questão também do atendimento psicossocial dentro do território merece devida atenção. Esses equipamentos vêm compor a rede num momento importante e bastante estratégico para o município, momento em que, dentro de dois ou três dias, teremos a resposta do Ministério da Educação se temos condição de implantar no nosso território a Residência Médica em Saúde, que é a condição para que a gente implante o curso de Medicina”, destacou a secretária da Saúde Eleuzina Falcão.

Os dois equipamentos fazem parte da estratégia do Governo do Estado para beneficiar a população da Região Metropolitana, vez que os serviços de alta complexidade precisam ser desafogados da capital baiana. Em São Francisco do Conde, tanto a academia quanto o CAPS serão construídos no bairro de Campinas. “Eu não sei se vocês observaram, mas quando a gente entra na Baixa Fria já tem um acesso ligando a via da Baixa Fria a Campinas, que vai fazer a conexão com os nossos equipamentos de saúde, o que mostra que a gente tem uma gestão integrada, com diversas pastas trabalhando no sentido de se completar e criar dentro do território uma rede forte, uma rede articulada”, disse Eleuzina.

“Tudo que havia a ser dito sobre essas obras já foi dito, hoje só tenho a falar de vocês da secretaria, que fazem a saúde das pessoas desse município. Dizer que mesmo passando por todas essas dificuldades, vocês têm feito um trabalho de excelência. São Francisco do Conde precisa é disso, de pessoas que queiram lutar por uma cidade melhor”, disse o prefeito Evandro Almeida saudando toda a equipe da Secretaria da Saúde.