SEDEC E VOCÊ: Projeto lançado nesta terça, 27, oferece conhecimentos de gestão a empreendedores

Oportunizar que as pessoas tornem-se empreendedoras e aquelas que já a são poderem fortalecer os seus negócios, e a partir disso poderem gerar mais emprego e renda para os franciscanos, tem sido o mote desta secretaria“, destacou em seu discurso de abertura do lançamento do projeto SEDEC E VOCÊ 2018, a secretária de Desenvolvimento Econômico de São Francisco do Conde, Ana Christina Oliveira.

O projeto, que tem entre seus objetivos ampliar os espaços de diálogo com o Terceiro Setor, empresários e potenciais empreendedores para o fomento da cadeia produtiva no município, conta com a parceria imprescindível do SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) e do Banco do Brasil para viabilizar as ações. Os participantes tiveram a valiosa oportunidade de conhecer técnicas administrativas e saber como ter acesso ao microcrédito. Além da Oficina SEI ADMINISTRAR, que ocorre nesta terça-feira, 27 de março, outras abordagens voltadas para o empreendedor serão explanadas ao longo do ano, conforme programação definida pela SEDEC.

É fundamental ações desse tipo para fomentar a economia da localidade. Essa linha de crédito acaba estimulando o crescimento do mercado local, estimulando também as pessoas ao crescimento. A gente também dá orientação para que elas tenham o real investimento e retorno dessa linha de crédito“, relatou Nehru Lima, supervisor de microcrédito do Banco do Brasil (BB).

A secretária Ana Christina também fez suas colocações. “A gente tem apostado muito na formação e na capacitação das pessoas para que elas possam compreender esse novo momento. Sabemos que estamos saindo da era do emprego para a era do empreendedorismo. Eu tenho dito as pessoas que quem não vier por amor, virá pela necessidade, pela dor. A gente tem mais de 700 MEI (Microempreendedores Individuais) nesse município, sendo cerca de 500 ativos, mas com iniciativas ainda muito simplórias, onde as pessoas abrem seus negócios, mas sem conhecimento de gestão. A gente tá possibilitando fazer esse chamamento, de todas essas pessoas, todos esses potenciais. Queremos colocar informação,  formação, agências de crédito e instituições financeiras para estarem à disposição desses empreendedores e essas pessoas estarem habilitadas para trilhar caminhos de sucesso. São Francisco do Conde hoje tem buscado alternativas, seja através da atração de empresas ou da qualificação das pessoas, e o SEBRAE é um grande parceiro nesse sentido; teremos 15 cursos e oficinas, temos a SETRE (Secretaria do Trabalho Emprego Renda e Esporte), o SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), vamos fazer um convênio com a Universidade Católica, que vai montar um curso de Comunicação Digital para os jovens, e quando estes concluírem já sairão com uma cooperativa pronta para eles ofertarem serviços. Fechamos também uma parceria com a UNILAB (Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira), de um projeto inovador, criado a várias mãos, que irá mudar a realidade do analfabeto funcional, aquele que sabe fazer, mas não domina a teoria“, concluiu.

Durante o encontro, os empreendedores presentes fizeram apresentação dos produtos e serviços com que trabalham, podendo, assim, divulgar os próprios negócios e ampliar suas oportunidades de venda.

Dentre as autoridades e parceiros presentes, estiverem a secretária Ana Christina Oliveira (SEDEC), a gerente do Banco do Brasil, Tatiane Rocha, o supervisor de microcrédito do BB, Nehru Lima, e a consultora do SEBRAE, Janaína Brasil.