Seminário Internacional de Estudos Africanos acontece de 24 a 26 de maio

São Francisco do Conde vai sediar um seminário com o tema “Os estudos africanos na universidade: método e pesquisa”, que acontecerá no Campus dos Malês, em São Francisco do Conde, de 24 a 26 desse mês, durante o I Seminário Internacional de Estudos Africanos.

O evento marca a oficialização das atividades e da apresentação do Centro de Estudos Africanos e da Diáspora (Ceiafrica/Malês) para a comunidade acadêmica. É um evento aberto à comunidade, sem a necessidade de inscrição prévia. Além disso, o evento dará espaço aos estudantes, com a proposta de debate sobre “Juventude, demografia e desenvolvimento em África”, seguido das apresentações de trabalhos dos alunos da própria instituição.

Segundo os organizadores, o objetivo do evento é “convidar os participantes a discutirem sobre o tema proposto. Para esse fim, o seminário traz uma série de atividades, como a conferência de abertura, a ser proferida pelo professor Gabriel Monteiro, Reitor da Universidade de Santiago [Cabo Verde], e diferentes mesas que contemplarão as discussões sobre os estudos africanos no Brasil, os estudos da diáspora e os estudos africanos na universidade”.

Outro importante objetivo do evento é o estreitamento das relações e assinaturas do acordo de cooperação e mobilidade acadêmica entre a Unilab e a Universidade de Santiago, para o qual terá a presença do Reitor Pro-Tempore da Unilab, Anástacio Queiroz, e do Pró-Reitor de Relações Institucionais, Edson Borges.

Todas as atividades do evento contam com a presença de importantes pesquisadores, sejam do âmbito internacional, como a Professora Doutora Aminah Pilgrim (Umass-Boston/EUA) e o Professor João Rosa (Bridgewater State University/EUA), ou como referências nos estudos africanos no Brasil, onde destacam-se os professores Yeda Pessoa de Castro (UEFS), Kabengele Munanga (USP/UFRB), Carlos Henriques Serano (USP), Acácio Almeida Santos (UFABC), Vanicléia Silva Santos (UFMG), Ivaldo Marciano (UNEB), Juvenal Carvalho (UFRB) e Bas`Ilele Malomalo (Unilab).

Confira a programação completa do I Seminário Internacional de Estudos Africanos.